CarWorld

Notícias de Carros, Revisões de Especialistas, fotos, vídeos e Guias de Compra

O que você precisa saber sobre trocas de óleo automotivo


É aquela época do ano novamente – seu carro precisa de uma troca de óleo! Mas o que você precisa saber antes de uma troca de óleo?

Esta postagem do blog abordará os conceitos básicos das trocas de óleo automotivo, incluindo quando verificar o nível de óleo, com que frequência trocar o óleo do motor e que tipo de óleo seu carro precisa.

Também forneceremos dicas úteis sobre quando agendar uma troca de óleo e quanto tempo normalmente leva uma troca de óleo. Por fim, daremos algumas dicas de como o óleo do motor pode melhorar o desempenho do seu carro. Continue lendo para descobrir tudo o que você precisa saber sobre trocas de óleo automotivo!

Quando verificar o óleo

Uma das primeiras coisas a fazer antes de ligar o motor com óleo é verificar o nível do óleo. O manual do proprietário do seu carro fornecerá orientações específicas sobre quando verificar o óleo, mas, em geral, é uma boa ideia fazer isso a cada 3 meses ou 12.000 milhas.

Dependendo da marca e modelo do seu carro, pode ser necessário verificar o nível do óleo. É importante fazer trocas de óleo regulares e manter o motor funcionando sem problemas – você economizará tempo, dinheiro e muitos problemas ao longo do caminho!

Se o nível do óleo estiver baixo, é melhor mandar consertar seu carro em uma instalação autorizada o mais rápido possível. Dirigir com óleo velho ou danificado pode causar sérios problemas mecânicos ao longo do caminho.

Aqui estão algumas dicas para verificar o óleo do motor:

1. Quando a luz do motor acender, é hora de levar o carro para a troca de óleo.

2. Fique atento às “tendências de desgaste” dos óleos automotivos: os sintéticos estão se tornando mais populares a cada ano.

3. Se possível, use óleo de motor sintético; isso ajudará a proteger o motor e prolongar sua vida útil.

4. Monitore as condições de armazenamento: baixas temperaturas causarão oxidação e reduzirão o desempenho do motor ao longo do tempo.

Como verificar os níveis de óleo do motor?

Muitos métodos são usados ​​para verificar os níveis de óleo do motor, mas o mais simples é mergulhar um pequeno recipiente ou mangueira no óleo do motor. Alguns veículos também possuem uma vareta na parte superior do motor que pode ser acessada facilmente. A verificação dos níveis de óleo é parte integrante da manutenção adequada e, idealmente, pode ser feita pelo menos uma vez a cada 3 meses ou 12.000 milhas, o que ocorrer primeiro.

Mantenha o nível de óleo do motor abastecido e seu carro funciona sem problemas com trocas regulares de óleo. Faça você mesmo ou faça em um centro de serviço automotivo confiável para economizar tempo, dinheiro e dores de cabeça no futuro!

Com que frequência você deve trocar o óleo do motor?

O óleo do motor é uma parte vital do motor de um carro e é essencial mantê-lo limpo e lubrificado para garantir um ótimo desempenho. É vital que seu veículo funcione bem trocando o óleo regularmente. Isso não apenas ajudará a evitar o desgaste do motor, mas também é uma medida de segurança.

As trocas de óleo para diferentes veículos podem variar, com vários fatores, incluindo a frequência com que você usa seu carro. Quando seu veículo necessitar de uma troca de óleo é melhor indicado no manual do proprietário correspondente.

Verifique as diretrizes do fabricante do carro para saber com que frequência você precisa trocar certas peças. Por exemplo, uma troca de óleo padrão deve ocorrer a cada 5.000 km (3.000 milhas), mas isso varia de acordo com a marca e o modelo do veículo.

Usar limpadores ou desengraxantes de motor ao trocar o óleo pode não ser o ideal – eles podem danificar seu motor. Além disso, é importante saber com que frequência seu carro precisa de manutenção e o intervalo de manutenção do fabricante.

Sempre use uma corrente automotiva confiável ao realizar uma troca de óleo para garantir um acabamento de qualidade.

Que tipo de óleo você deve escolher

Há algumas coisas a serem lembradas ao selecionar o óleo: tipo de motor, óleo sintético ou convencional e viscosidade (espessura) do óleo.

O óleo de motor sintético oferece várias vantagens em relação ao óleo convencional, incluindo maior desempenho e proteção do motor. A escolha do óleo sintético para o seu veículo deve ser apoiada por especialistas em carroçaria ou pelo aconselhamento de um mecânico experiente.

O próximo fator mais importante a considerar é a viscosidade – quanto mais denso o óleo, mais resistente ele será contra o desgaste do motor ao longo do tempo. Óleos de diferentes viscosidades podem ser usados ​​juntos, por isso é vital que você selecione o óleo certo para o seu motor e sempre consulte um especialista antes de fazer essa mudança.

Quanto mais fino o óleo, menor sua densidade e maior sua capacidade de lubrificação. Ele parece mais magro porque tem menos peso ou “corpo”. Mas não confunda magreza com falta de força; óleos mais espessos são mais viscosos para resistir a vazamentos durante a operação do motor. O óleo fino é projetado para altas rotações do motor e cargas leves.

Existem diferentes tipos de óleo disponíveis para diferentes tipos de motores e é importante selecionar o correto para o seu carro. Se você não tiver certeza de qual óleo escolher, converse com seu mecânico, que está familiarizado com lubrificantes automotivos e pode ajudá-lo a selecionar o grau correto para o seu motor.

Qual filtro de óleo é adequado para o seu motor

Outro fator crítico a ser considerado ao realizar uma troca de óleo é o tipo de filtro de óleo do seu carro. Seu motor terá melhor desempenho com um filtro de óleo sintético ou de alta quilometragem. Os filtros convencionais geralmente podem ser usados ​​por até 6.000 milhas antes de precisarem ser substituídos. Também é uma boa ideia trocar o filtro de ar a cada 6 meses e substituir o filtro de ar da cabine uma vez por ano.

É importante manter o motor lubrificado e livre de filtros para um ótimo desempenho. Por isso é fundamental saber a diferença entre filtros de óleo sintéticos e de papel e os sinais de que seu motor precisa de uma troca de óleo. Use o tipo certo de filtro para o seu motor – os filtros de óleo sintético são melhores para motores de alto desempenho, enquanto os filtros de papel são melhores para motores que veem muita sujeira e poeira.

Ao trocar o óleo, tome cuidado para não encher demais o cárter com óleo e use a ferramenta certa para o trabalho. Verifique as recomendações do fabricante do filtro de óleo sobre quando você deve trocar seu filtro e siga-o religiosamente. Obter um novo filtro de óleo é ideal sempre que seu carro for revisado.

Sinais de que você precisa de uma troca de óleo

Alguns sinais de que você precisa trocar o óleo do motor do seu carro são:

– O óleo do motor pode começar a soltar fumaça, pois o motor está atingindo sua eficiência máxima e é hora de trocar o óleo

– Às vezes, há sinais de alerta no painel do seu carro quando um motor precisa de manutenção, como a luz “Engine Overheat” ou “Check Engine Light on”.

– O óleo do motor parece sujo mesmo após uma limpeza completa

– Alto ao correr ou iniciar em clima frio

Trocar o óleo do motor e o filtro seria melhor se você notar algum desses sinais de alerta em sua próxima consulta de serviço de troca de óleo.

Dicas de auto-ajuda para trocar o óleo

1. Use sempre o óleo certo para o seu motor – isso otimizará o desempenho e prolongará a vida útil do motor.

2. Certifique-se de pedir ao seu mecânico outros serviços de manutenção preventiva que possam ser necessários durante a próxima troca de óleo do carro, como rodízio de pneus e inspeções de freio.

3. Verifique o nível do óleo e o filtro antes de trocar o óleo para evitar surpresas.

4. Se você estiver enfrentando lentidão, dificuldade de partida ou perda de energia, talvez seja hora de substituir o filtro de óleo e o óleo!

O que acontece se você não trocar o óleo?

Se você não trocar o óleo do motor e o óleo começar a quebrar, diferentes partes do motor e componentes metálicos começarão a se desgastar. Com o tempo, isso pode causar danos que podem levar a reparos dispendiosos. Em casos graves, pode ocorrer a emperramento do motor ou incêndio no motor devido à falta de manutenção regular do motor. Reparos de transmissão e desempenho reduzido do carro podem ser as consequências menores de não trocar o óleo do motor a tempo.

Por que trocar o óleo a cada quilometragem para combinar com a marca e o modelo do seu veículo?

O filtro de óleo do motor ajuda a reter poeira fina e partículas que podem se acumular com o tempo. Quando o filtro de óleo fica entupido, esse bloqueio causa um vazamento no motor, o que acaba danificando o motor.

É importante que seu carro funcione sem problemas trocando o óleo regularmente. Seguindo as instruções listadas acima, você pode garantir que seu motor permaneça em boas condições e funcione da melhor maneira possível. Além disso, escolher o tipo certo de óleo pode ajudar a reduzir os danos ao motor e fazer com que seu carro funcione mais suavemente.

Um cronograma de manutenção adequado é um dos segredos mais importantes para um motor saudável. O plano deve conter os intervalos de manutenção recomendados para manutenção e ajustes, utilizando materiais e procedimentos adequados e necessários para evitar danos às peças do motor. Este programa ajuda a manter seu veículo nas melhores condições de funcionamento e livre de reparos dispendiosos e tempo de inatividade. Os intervalos corretos de troca de óleo do motor são essenciais para o desempenho e a vida útil do óleo do motor.

Agende uma imediatamente se uma luz de aviso de troca de óleo acender em seu carro! Se o seu motor fumega, cheira a sujeira ou faz muito barulho quando o tempo frio prevalece, é hora de trocar o óleo do motor e o filtro também!



Source link